Anjo resgata pastor das ferragens momentos antes de explosão destruir seu carro - IPOJUCA ONLINE

Notícias Quentes

Post Top Ad


Post Top Ad

domingo, 12 de fevereiro de 2017

Anjo resgata pastor das ferragens momentos antes de explosão destruir seu carro


Um acidente de trânsito que poderia ter resultado na morte de um pastor, tornou-se um testemunho de uma manifestação sobrenatural que o livrou de um desfecho trágico.
John Boston havia sido ordenado ao ministério pastoral dias antes e mudado para a cidade de Columbus com sua esposa, Carla, e filha, Riley. Ele dirigia em uma rodovia estadual de Ohio quando um carro cruzou o canteiro central e veio em sua direção. Para evitar a colisão, o pastor desviou e terminou por bater em um poste de uma linha de transmissão.
O transformador preso ao poste caiu sobre o carro do pastor, e energizou todo o local. “Ninguém teria conseguido tocar aquele carro. Eu não poderia ter sobrevivido”, contou Boston, em entrevista ao canal de TV FOX6Now.

OS ACONTECIMENTOS NO BRASIL E NO MUNDO QUE VIRÃO, O CAMINHO PARA A FELICIDADE ESTÁ NO LIVRO "60 MINUTOS NO PARAÍSO COM JESUS" PRESENTEI SEU FILHO, SUA ESPOSA, SEU ESPOSO, COM ESTE LIVRO E TENHA UMA FAMÍLIA MAIS FELIZ! ESTÁ TUDO REFLETIDO AQUI NO LIVRO.

Segundo o pastor, “o pára-brisa estava derretendo e a janela do passageiro estava dobrando” em consequência do calor gerado pela corrente de alta voltagem que passava pelo lado externo do veículo. Ao tentar deixar o veículo, ele não conseguiu se livrar do cinto de segurança e abrir a porta, o que provavelmente salvou sua vida.
Ao constatar que não tinha muito o que fazer, um “estranho” apareceu, abriu a porta amassada de forma extremamente fácil, o retirou do carro e o levou a uma distância de 20 metros. Momentos após estar em segurança, houve uma explosão que consumiu o carro inteiro.
“Ele disse: ‘Meu nome é Johnny. A polícia está vindo e eu não posso estar aqui quando eles chegarem, mas você vai ficar bem’. E então o homem foi embora”, relembra Boston. Quando os bombeiros chegaram para atender a ocorrência, encaminharam o pastor a um hospital próximo para receber o atendimento padrão.
Quando foi liberado do hospital, John Boston precisou prestar depoimento sobre o acidente, e foi questionado sobre como foi a situação de resgate e quem era o homem. Ao narrar a história, o pastor viu muitas pessoas racionalizarem a questão, especulando que o tal Johnny seria alguém com passado obscuro, talvez procurado pela Justiça, e que por isso o ajudou e deixou o local da tragédia.
Porém, os bombeiros que atuaram no caso dizem que há outros aspectos da situação que desafiam a lógica e a ciência, e que portanto, nenhum ser humano seria capaz de tocar na porta do carro sem sofrer um choque elétrico violento.
Explicando que o acidente pode ter desligado o disjuntor do transformador, um dos bombeiros contou que no instante seguinte, o aparelho teria se reiniciado, porque foi projetado para trabalhar dessa forma, e que sua equipe precisou cortar a energia pois havia corrente elétrica no carro, mesmo após a explosão.
“Com um transformador no carro, essa seria provavelmente uma das piores execuções que nós poderíamos fazer”, ilustrou o bombeiro, fazendo referência às mortes na cadeira elétrica. “A pessoa que tocar aquele carro pode morrer. Você tem que saltar para longe do veículo e bater os pés, mas mesmo assim é arriscado”, ilustrou.
Ao ser questionado sobre o que explica que Johnny e o pastor tenham saído ilesos, o bombeiro afirmou que não há como encontrar uma resposta: “Isso me dá arrepios”.
O pastor, no entanto, tem a resposta que considera mais lógica, dentro de um contexto que engloba todos os argumentos mencionados e a sua fé: Johnny era um anjo. “Eu não acredito que os anjos venham até nós com asas e roupões brancos, com luzes brilhantes ao redor. Acho que eles vêm como ajuda, e foi isso que eu tive naquele dia”,
Fonte: noticias.gospelmais.com.br

Tecnologia

Post Top Ad