Escassez de empregos aumenta procura no Grande Recife por carreira no Exército - PR. REGINALDO SILVA

Notícias Destaque!

Publicidade

Publicidade

O livro mais lido e adorado!!!


domingo, 21 de maio de 2017

Escassez de empregos aumenta procura no Grande Recife por carreira no Exército

Além do alistamento militar, concursos também são utilizados como meio de ingresso. Certames são concorridos e destinados a candidatos com formação acadêmica em curso ou já concluída.


Vídeo no youtube do Jornal da Record
________________________________________________________________________

Além do alistamento militar, feito por jovens do sexo masculino aos 18 anos, os concursos também são uma maneira de ingressar no Exército. A procura por vagas na carreira militar foi ampliada devido à falta de empregos no mercado de trabalho. Anualmente, 25 mil candidatos concorrem a 2 mil vagas para soldado na Região Metropolitana do Recife, o que equivale a uma média de 12,5 candidatos por vaga. (Veja vídeo acima)
Os certames são concorridos e, para os aprovados, são vistos como uma oportunidade de adquirir estabilidade financeira. Para o curso da Escola de Formação de Sargentos do Exército, por exemplo, 100 mil pessoas participaram da prova de seleção, o que gerou uma concorrência de 100 candidatos por vaga. Um dos aprovados foi o pernambucano Eduardo Moura, que obteve êxito na prova após quatro anos de tentativas.



“Não foi fácil. A concorrência foi complicada e a rotina de estudos precisou ser bem disciplinada. Fiz a prova quatro vezes e só consegui passar na última tentativa, em 2016. Era um sonho meu desde pequeno, porque meu pai e meu irmão foram militares e sempre desenvolvi a ideia de ser militar um dia. Eu me dediquei aos estudos e agora o esforço foi recompensado”, conta o aluno.
Para a primeiro tenente Renata Guariento, o ingresso no Exército foi uma oportunidade de realizar o sonho de se tornar militar e de atuar com cães, após sua formação acadêmica em medicina veterinária. “Eu entrei por meio de um concurso com 400 pessoas por vaga. Foi praticamente um outro vestibular, mas, para mim, é muito gratificante”, relata.
De acordo com o chefe de comunicação do Comando Militar do Nordeste, Coronel Marco Antônio, há várias formas de ingresso no serviço militar. “Há concursos para jovens em formação e para pessoas já formadas. No site do alistamento, estão todas as informações para quem quer ingressar no Serviço Militar”, explica.
Texto Fonte: g1.globo.com/pernambuco/noticia



O livro mais lido e adorado!!!