Homens ateiam fogo a motos da PM durante prisão de suspeitos de tráfico, em Olinda - Pastor Reginaldo Silva
BLOG DO PASTOR REGINALDO SILVA - É DE IPOJUCA. É DO POVO
BLOG DO PASTOR REGINALDO SILVA - É DE IPOJUCA. É DO POVO

O dia mais bonito de nossas vidas!!!

É BOM ESTÁ PERTO DE QUEM TRANSMITE O BEM!!!

Versículos em destaque

Portanto, não se preocupem com o amanhã, pois o amanhã trará as suas próprias preocupações. Basta a cada dia o seu próprio mal.
Mateus 6:34
Assim, eles já não são dois, mas sim uma só carne. Portanto, o que Deus uniu, ninguém separe".
Mateus 19:6
"Não façam cortes no corpo por causa dos mortos nem tatuagens em vocês mesmos. Eu sou o Senhor.
Levítico 19:28

quinta-feira, 11 de maio de 2017

Homens ateiam fogo a motos da PM durante prisão de suspeitos de tráfico, em Olinda

Policiais prendiam dois homens durante ação de rotina, quando tiveram as motocicletas incendiadas. Câmeras de segurança de uma casa próxima ao local do crime podem ajudar na identificação dos responsáveis.


uas motocicletas da Polícia Militar (PM) foram incendiadas, nesta quarta-feira (10), enquanto policiais faziam rondas de rotina na Avenida Leopoldino Canuto de Melo, no bairro de Caixa D'água, em Olinda. De acordo com a corporação, os dois agentes estacionaram as motos numa rua próxima ao local onde abordavam dois suspeitos de tráfico, quando outros dois homens atearam fogo aos veículos, deixando-os completamente destruídos.
A PM acredita que os responsáveis por atear fogo às motocicletas sejam ligados aos suspeitos de tráfico, isso porque o crime ocorreu durante a prisão dos dois homens. De acordo com a corporação, com os suspeitos abordados pelos agentes, foram apreendidos mais de quatro quilos de maconha e uma quantidade não informada de pedras de crack, além de uma espingarda calibre 12.
Os policiais pediram apoio à Central de Flagrantes da Polícia Civil para levar os suspeitos presos e estão em diligências para descobrir a identidade dos homens que atearam fogo às motocicletas. Imagens do circuito de segurança de uma residência próxima ao local do crime podem ajudar na identificação. As motos estavam estacionadas e, por isso, ninguém se feriu.
Fonte: g1.globo.com/pernambuco/noticia