Quatro pessoas são mortas e oito ficam feridas durante tiroteio em centro espírita no Grande Recife - PR. REGINALDO SILVA

Notícias Destaque!

Publicidade

Publicidade

O livro mais lindo e adorado!!!


quinta-feira, 6 de julho de 2017

Quatro pessoas são mortas e oito ficam feridas durante tiroteio em centro espírita no Grande Recife

Segundo a Polícia Civil, bandidos tentaram assaltar frequentadores do Grupo Espírita Amor ao Próximo (Geap), em Piedade, em Jaboatão dos Guararapes, na noite de quarta (5). Entre os mortos estão PM, mulher e dois suspeitos.



uatro pessoas foram mortas e oito ficaram feridas em uma tentativa de assalto ocorrida na noite de quarta-feira (5), em um centro espírita localizado em Piedade, em Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife. De acordo com a Polícia Civil de Pernambuco, entre os mortos estão um policial militar, uma mulher e dois suspeitos de participar da investida ocorrida na sede do Grupo Espírita Amor ao Próximo (Geap). Um homem apontado como integrante da quadrilha acabou preso. (Veja vídeo acima)
O Geap sediava uma palestra, por volta das 21h30. O policial militar, de 29 anos, que participava do encontro, tentou impedir a ação criminosa. Houve troca de tiros. Ferido, o PM ainda foi levado para o Hospital da Restauração (HR), no Derby, na área central do Recife, e morreu por volta da 1h desta quinta-feira (6). A mulher, de 57 anos, era uma das frequentadoras do centro espírita.
O crime aconteceu no fim da palestra. Segundo a delegada Gleide Angelo, responsável pelo início das investigações, pelo menos seis homens participaram da ação. Dois deles fingiram participar do evento. No momento do tiroteio, cerca de 150 pessoas estavam no Geap.

A ação

A delegada Gleide Angelo informou que dois suspeitos ficaram no salão assistindo à palestra. No final da apresentação, um deles se levantou e anunciou o assalto. Eles começaram a recolher objetos das pessoas que participavam do encontro.
“Um dos bandidos mandou que todos levantassem as roupas para mostrar que não estavam armados. Nesse momento, o PM sacou a arma. Ele levou dois tiros na cabeça”, afirmou a delegada.
Gleide Angelo disse, ainda, que a mulher que morreu estava no salão. O marido dela se encontrava do lado de fora do centro e foi rendido pelos bandidos, que apontaram uma arma para a cabeça dele. Quando houve a reação do policial militar, ela foi baleada.
Com os suspeitos que morreram no local, a polícia encontrou uma bolsa com celulares e objetos roubados. Eram cerca de 30 telefones. Eles também estavam com armas usadas na investida.
Um dos integrantes da quadrilha, segundo Gleide Angelo, está no Hospital Getúlio Vargas (HGV), no Cordeiro, na Zona Oeste do Recife, sob custódia policial. Ele elevou tiros nas costas e na barriga e foi levado ao bloco cirúrgico.
Ele ainda tentou escapar. Mesmo ferido, chamou um táxi e foi até a Unidade de Pronto Atendimento da (UPA), na Zona Sul da capital pernambucana. Depois, foi transferido para o HGV.
Entre os frequentadores do Geap que ficaram feridos, um teve alta e outro encontra-se no Hospital da Restauração. Há pessoas internadas em hospitais particulares do Grande Recife. O G1 busca informações sobre o estado de saúde delas.
“Três ou quatro integrantes do grupo fugiram em um carro preto em direção a uma comunidade na Zona Sul”, acrescentou a delegada.
Fonte: http://g1.globo.com/pernambuco


OLHO DE IPOJUCA
UM POVO BEM SERVIDO, É UM POVO FELIZ!

O livro mais lindo e adorado!!!