Após repercussão, Câmara do Recife revoga aumento de 53,1% no auxílio-alimentação - IPOJUCA ONLINE

Notícias Quentes

Post Top Ad


Post Top Ad

MEUS LIVROS


sábado, 6 de maio de 2017

Após repercussão, Câmara do Recife revoga aumento de 53,1% no auxílio-alimentação

Decisão foi publicada no site do Legislativo municipal, no fim da manhã desta sexta-feira (5). Reajuste tinha sido dado em 27 de abril e publicado no Diário Oficial dois dias depois.



pós grande repercussão na cidade e nas redes sociais, a Câmara de Vereadores do Recife revogou o reajuste de 53,1% no auxílio-alimentação que beneficiou os 39 vereadores. A informação foi postada no site do Legislativo municipal, no fim da manhã desta sexta-feira (5). O aumento havia sido concedido em 27 de abril e publicado no Diário Oficial dois dias depois. (Veja vídeo acima)

UM LIVRO PARA AS PESSOAS QUE AMAM JESUS DE TODO O SEU CORAÇÃO!
“A repercussão negativa do aumento fez com que todos os vereadores propusessem à Mesa que o reajuste fosse revogado”, explica o vereador Marco Aurélio (PRTB), primeiro secretário da Casa. Ainda de acordo com o parlamentar, os R$ 1.595 de aumento, se analisados de forma isolada, não trariam prejuízos econômicos ao orçamento devido à economia feita em outras frentes. “Desde janeiro a mesa trabalha para diminuir custos. Acabamos com os carros alugados e diminuímos os cargos nos gabinetes, mas os vereadores são homens e mulheres iguais a todos, e, portanto, são passíveis a erros”, comentou.
Ainda segundo o primeiro secretário da Câmara Municipal do Recife, a decisão havia sido motivada por uma demanda de alguns parlamentares. O reajuste do benefício representaria um aumento anual de R$ 746 mil nas despesas da Casa. Em 2017, a medida significaria um gasto de R$ 497 mil no orçamento da Câmara Municipal do Recife.

UM LIVRO PARA AS PESSOAS QUE AMAM JESUS DE TODO O SEU CORAÇÃO!
Além do auxílio-alimentação, que voltou ao valor de R$ 3 mil, os vereadores da capital pernambucana também recebem outros benefícios, como auxílio-combustível de R$ 2,3 mil e R$ 4,6 mil para aluguel do gabinete. As verbas não integram o salário de cada parlamentar, que é de R$ 14,635,00.
No site do Legislativo, a Comissão–Executiva da Casa José Mariano informa que "a decisão foi tomada após conversa com o mesmo grupo de parlamentares que havia solicitado o aumento anteriormente". O colegiado também informa que com essa iniciativa reafirma a decisão de "continuar com as mesmas medidas do início desta gestão de compromisso com a racionalização e austeridade no uso dos recursos públicos".

UM LIVRO PARA AS PESSOAS QUE AMAM JESUS DE TODO O SEU CORAÇÃO!
A comissão diz, ainda, que foram feitos cortes a exemplo do contrato de locação de carros, suspensão do contrato com a empresa de divulgação nos ônibus e diminuição do número de funcionários nos gabinetes. Procurado pelo G1, o presidente da Câmara, Eduardo Marques, não foi localizado.
Fonte: g1.globo.com/pernambuco/ultimas-noticias

Tecnologia

Autor

NOVA IPOJUCA - NOTÍCIAS O nosso objetivo é deixar o leitor Ipojucano bem informado sobre os fatos importantes do dia a dia da nossa Cidade, sempre com olhar crítico e imparcial, além de revelar o que acontece nos bastidores políticos da região.

GASTRONOMIA ONLINE


Post Top Ad