Evangélica apanha de companheiro por ele não aceitar sua nova religião - Pastor Reginaldo Silva
BLOG DO PASTOR REGINALDO SILVA - É DE IPOJUCA. É DO POVO
BLOG DO PASTOR REGINALDO SILVA - É DE IPOJUCA. É DO POVO
É BOM ESTÁ PERTO DE QUEM TRANSMITE O BEM!!!

03 Versículos para começar o dia

Portanto, não se preocupem com o amanhã, pois o amanhã trará as suas próprias preocupações. Basta a cada dia o seu próprio mal.
Mateus 6:34
Assim, eles já não são dois, mas sim uma só carne. Portanto, o que Deus uniu, ninguém separe".
Mateus 19:6
"Não façam cortes no corpo por causa dos mortos nem tatuagens em vocês mesmos. Eu sou o Senhor.
Levítico 19:28

sexta-feira, 6 de julho de 2018

Evangélica apanha de companheiro por ele não aceitar sua nova religião

Mais um caso de violência doméstica foi registrado em Várzea Grande na noite dessa quarta-feira

Mais um caso de violência doméstica foi registrado em Várzea Grande na noite dessa quarta-feira (04). Desta vez, uma mulher de 26 anos foi agredida pelo companheiro, de 30 anos, por ele não aceitar o fato de ela ter se tornado evangélica.

Conforme o boletim de ocorrência, ao chegar ao local a vítima disse aos policiais que o suspeito é seu convivente e que, ao chegar em casa nessa quarta-feira (04), foi agredida pelo suspeito “por motivo de intolerância religiosa”.

“De acordo com a vítima, esta mudou de religião e, devido a isto, vem sofrendo constantes ameaças por parte do suspeito, e que nesta noite foi a primeira vez que o mesmo lhe agrediu com socos, vindo a lhe agredir a face”, consta no boletim de ocorrência.

A vítima também contou que o companheiro agrediu o filho do casal, de cinco anos. Os policiais relataram no boletim que era perceptível que o suspeito apresentava sinais de embriaguez e que ele resistiu à prisão, precisando ser algemado.

A mulher disse que o companheiro ainda ameaçou o vizinho que tentou ajudá-la, vindo a arrombar o portão da casa do vizinho com um chute, causando-lhe um corte no pé esquerdo. O vizinho se comprometeu a também registrar um boletim na delegacia contra o suspeito.


O homem foi encaminhado para a Central de Flagrantes para resguardar a segurança da mulher e deverá ser indiciado por lesão corporal e ameaça.
www.olivre.com.br